sábado, 3 de novembro de 2007

Inércia

Quanto mais se dorme, mais se tem sono; quanto mais vê novela, mais novelas quer acompanhar, quanto mais se come, mais se tem vontade de comer; quanto mais se magoa, mais se tende a magoar; quanto mais se entra na internet, mais se quer navegar; quanto mais ócio, mais vontade de fazer nada; quanto mais se lê, mais fichas na biblioteca; quanto mais molho, mais vezes ele aparece no cupom fiscal do supermercado; quanto mais se grita, mais se quer gritar; quanto mais se cala, menor será a frequência em que se ouve seu som; quanto mais se escreve, mais textos são colecionados; quanto mais malhação, mais tempo se passa na academia; quanto mais se rouba, mais fácil se torna a técnica; quanto mais filósofos, mais pessimismo; quanto mais se gasta, mais necessidade de comprar; quanto mais se depende dos outros, menos se sabe fazer sozinho; quanto mais se faz sexo, mais se quer praticar; quanto mais se mata, mais necessidade de deixar corpos por aí; quanto mais se estuda, mais se acha tempo para conhecer; quanto mais, quanto mais... hábito, compulsão, instintos, habilidades, prática, vício: Inércia. Estamos todos condenados a manter o estado de movimento ou de não movimento de nossos corpos. Leis Universais, como escapar?

Nenhum comentário: